DEPOIMENTOS DAS MAMÃES

Dê um “Curtir” nos seus depoimentos favoritos!

Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Bianca
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO
Título do Vídeo
CURTIR ESTE VÍDEO

Conheça o Método

Comece certo a apresentação dos alimentos para o seu bebê garantindo que seu sonho de ver o seu bebê tendo uma relação positiva com o alimento se torne realidade. 

Você pode ter a transformação da vida do seu bebê e da sua! 

A alimentação infantil é muito esperada pelos pais, familiares e cuidadores. Nesse momento há muitas expectativas que a criança comerá tudo e de tudo, que terá uma relação linda com o alimento e que tudo ocorrerá como o planejado. Porém, para muitas mães o sonho vira um pesadelo. São tantos os palpites de avós, titias, pediatras, amigos, vizinhos que acabamos nos perdendo em qual conduta seguir. Será que ofereço papinha? Será que ofereço em pedaços? Será que posso oferecer suco?
Durante a infância, mais especificamente durante a introdução alimentar, os hábitos alimentares são consolidados, por isso, você deve estimular uma alimentação saudável desde cedo, sendo um ganho para toda a vida do seu bebê. Conduzir corretamente nesta fase, auxilia na formação do paladar ideal, no adequado crescimento e desenvolvimento, reduz a chance de desenvolver doenças metabólicas futuras como diabetes e hipertensão, além de auxiliar crianças a prevenir quadros de dificuldades alimentares.

Conheça os 03 tipos de Introdução Alimentar

CORPO: Alimentação e Fitness

 TRADICIONAL

Determina que a oferta da alimentação complementar deve ser espessa desde o início e oferecida com colher. Começar com consistência pastosa (papas/purês) e, com o passar do tempo, a evolução de consistência deve ser adaptada para papas com pedaços maiores de alimentos, até chegar a consistência da família, devendo ocorrer ao completar 12 meses.
VIDA: Prosperidade e Produtividade

BABY-LED WEANING (BLW) - O Desmame Guiado pelo Bebê

“Weaning” é a transição gradual que um bebê faz de quando toma leite materno ou fórmula como alimentação exclusiva, até quando para completamente de tomar leite materno ou fórmula. Essa transição demora pelo menos 6 meses, mas pode especialmente com amamentação demorar vários anos. Os primeiros alimentos sólidos não substituem o leite materno (ou a fórmula láctea infantil), mas fazem com que a dieta fique gradualmente mais diversificada. Na maioria das famílias, o desmame é guiado pelos pais, que decidem quando e como seus bebês deverão comer. A ideia do BLW é permitir que o bebê guie todo o processo, usando seus instintos e habilidades: em vez de papinhas, são oferecidos legumes, frutas e outros alimentos sólidos em pedaços para que ele próprio os pegue com as mãos e coma de maneira autônoma, abrindo um mundo de boas possibilidades para seu desenvolvimento.
Entre os benefícios estão o desenvolvimento da capacidade de mastigação do bebê, de sua destreza manual e da coordenação entre as mãos e os olhos. Com a ajuda dos pais, ele descobre uma grande variedade de alimentos saudáveis e aprende importantes habilidades sociais – enquanto come apenas a quantidade de que precisa, o que diminui as chances de desenvolver sobrepeso na infância. Mas, acima de tudo, ele vai gostar disso e estará mais contente e confiante nas refeições em família.
Os principais fundamentos do BLW, são o respeito à autonomia e a confiança de que o bebê sabe o que, quanto, como e com que ritmo irá comer. Para que ele exerça sua auto regulação sem interferências e sem a necessidade da interpretação do adulto em relação aos seus sinais de fome e saciedade.
MENTE: Saúde Quântica

 PARTICIPATIVA

O bebê é agente ativo do processo de introdução da alimentação complementar, ainda que receba alimento de um intermediador. Dessa forma, a alimentação passa a ser assistida e não passiva. Assistida pelos pais, que intermediam as preferências do bebê e o auxiliam motoramente, enquanto ele não adquire habilidade e eficiência na ingestão adequada de nutrientes necessários para o seu desenvolvimento. Mas muito além, a IA participATIVA, baseada nos fundamentos do BLW, também incentiva as famílias a introduzirem, desde o início da introdução alimentar, os alimentos sólidos em seu formato original, possibilitando que as crianças também tenham experiências com o máximo possível de sensações desde o seu primeiro contato com os alimentos.

MUITAS MÃES E BEBÊS TRANSFORMADOS!

Muitas mães já colocaram os métodos em prática com sucesso.

Imagem
João da Silva
Sobre mim
E como tudo começou?

Eu me formei em Nutrição na Universidade Franciscana (Ufn) de Santa Maria e logo depois fiz especialização em Nutrição Clínica nesta mesma Universidade. Atuei por 7 anos em consultório e consegui obter sucesso nessa área. Continuamente realizei o mestrado e o doutorado em Ciências da Saúde pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) de Porto Alegre com êxito na área com artigos importantes publicados na área da saúde. Ao final do doutorado começaram os planejamentos e concretização da minha gravidez. Veio a licença maternidade, a realização de ser mãe, os primeiros 6 meses daquele bebê lindo e amado amamentado exclusivamente no peito, e início da tão esperada fase de apresentação dos alimentos sólidos. Fiz tudo como mandava o figurino da nutrição infantil e o que aconteceu aí? Precisei me moldar ao meu bebê, apresentar os alimentos variados de forma segura, adequada, e principalmente com muita empatia e respeito para que no tempo dele ele fosse dessensibilizando, vendo que o alimento não era um brinquedo mas sim que era de comer e que saciava ao longo da Jornada da Introdução Alimentar. Mudei algumas estratégias, adaptando os alimentos para que ele pudesse se auto alimentar, demonstrou uma autonomia gigante, tudo era com ele. Como toda mãe, eu sentia algumas vezes aquela vontade de oferecer o alimento amassado na colher pra alimentar meu bebê, tentei a introdução alimentar participativa, deixando ele ser o protagonista da refeição mesmo que com minha intervenção respeitosa, mas ele nunca aceitou, recuei e deixei ele totalmente livre e tive sempre a certeza que na minha frente tive um bebê que escolheu a sua forma de introdução alimentar através da abordagem baby-led weaning. Foi tudo tão magnífico, ver o meu pequeno com tanta desenvoltura, com tanta capacidade com os alimentos, os sensores das mãozinhas reconhecendo as diferentes texturas, temperaturas e consistências dos alimentos. Vendo cada expressão de conhecimento das papilas gustativas para os diversos sabores que foi e está sendo exposto até hoje, foi e está sendo lindo demais.
Com tudo isso, descobri um verdadeiro propósito de atuar em minha carreira para resgatar o brilho no olhar das mães e que elas realizassem assim como eu o maior sonho, ver meu bebê se alimentando com prazer, sem neuras, com conhecimento do que estava oferecendo os alimentos de forma segura e com a certeza de que estava atingindo todos os nutrientes necessários para o seu adequado crescimento e desenvolvimento.
Eu apliquei todo conhecimento teórico que aprendi à minha ampla prática de atendimentos online e minha missão como mãe na introdução alimentar do meu filho, na qual eu como nutricionista tinha o conhecimento em mãos e o sonho de ver ele tendo prazer em se alimentar de forma leve, segura e com motivação. Meu maior sonho foi realizado. E a minha meta é transformar a visão das mães para esse momento tão importante para a vida dos seus filhos.

Ministrante de cursos online sobre Introdução Alimentar e Desafio e Incentivos na Alimentação Infantil. Possui experiência e trabalha com consultoria online para orientação sobre alimentação infantil com ênfase em introdução alimentar tradicional, blw ou participativa, a fim de desenvolver na criança uma relação saudável e prazerosa com os alimentos desde cedo. Realiza consultoria online orientando e acompanhando as famílias e os bebês que estão iniciando ou já iniciaram a introdução dos alimentos complementares, identificando e traçando as estratégias adequadas para aproximar a criança dos alimentos, proporcionando um momento leve e feliz para esse momento. Atua também no direcionamento dos pais e cuidadores para a preparação prévia dos principais desafios e incentivos na alimentação infantil. Identifica e previne os casos de dificuldades alimentares como neofobia alimentar, recusa alimentar, seletividade alimentar de crianças.